Bancada federal gaúcha define prioridades para 2013

Ronaldo NogueiraEmendas 2013 da Bancada Gaúcha no Congresso Nacional foram discutidas nesta segunda-feira (20), em reunião na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. O deputado federal Ronaldo Nogueira (PTB/RS), líder da Bancada Gaúcha na Câmara Federal, coordenou os trabalhos, onde foram ouvidas reivindicações por parte das Prefeituras, secretarias estaduais, municipais e representantes de entidades da área da Saúde.

Na oportunidade, as instituições beneficiadas apresentaram seus projetos de emendas, que se encontram na fase de encaminhamento, defendendo a ordem de prioridade para a vinda de recursos federais ao Estado. Para Ronaldo Nogueira, o encontro foi de suma importância, tendo em vista a expressiva representatividade dos partidos da bancada gaúcha (80%). “O objetivo foi chamar as entidades beneficiadas para serem protagonistas no processo de eleição das prioridades”, ressaltou o parlamentar.

O deputado trabalhista também destacou a presença de todas as instituições convidadas e a eficiência e objetividade nas apresentações. Participaram do encontro, os deputados federais Giovani Cherini, Elvino Bohn Gass, Beto Albuquerque e Darcisio Perondi, e os deputados estaduais Ronaldo Santini e Marcelo Moraes, do PTB.

Já as entidades presentes foram Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (FUNDEF), Instituto do Cérebro do RS, Hospital Santa Clara do RS, Hospital Beneficiência Portuguesa, Associação dos Funcionários Públicos do Estado do Rio Grande do Sul (AFPERGS), Hospital Ernesto Dornelles, Hospital Parque Belém Novo, Hospital Público Região Norte de Palmeira das Missões e Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS).

Por Vanessa Lopes MTE 16784

Anúncios

Um pensamento sobre “Bancada federal gaúcha define prioridades para 2013

  1. Quero agradecer a deputada Flávia Morais relatora do Projeto de Lei 1211/11, do deputado Ronaldo Nogueira, aprovando.a regulamentação da profissão de detetive profissional no Brasil, e ao mesmo tempo protestar pelo espaço
    de trabalho que perdemos, a cada nova CBO que é publicada; pedimos que analise com carinho o espaço.de trabalho da categoria.

    PEDIDO PARA MANTER O DIREITO ADQUIRIDO DA CBO-94 MTE GRUPO Nº5-82.40
    Onde perdemos espaço para os VIGILANTES, que deveria trabalhar FARDADOS como manda a LEI, e não a paisano como o Detetive Particular.

    VEJA DESCRIÇÃO A BAIXO

    Nº da CBO-94: 5-82.40 Título: Detetive particular
    Descrição resumida: Realiza investigações de caráter particular, colhendo informações, fazendo sindicâncias, interrogando pessoas ou usando outros recursos, para atender a solicitações de estabelecimentos comerciais e outras empresas ou de pessoas físicas:
    Descrição detalhada: registra o pedido dos clientes, anotando todos os dados, informações e outros subsídios, para possibilitar a pesquisa solicitada; investiga os casos de furto, fraude e outros atos ilícitos em estabelecimentos, como empresas industriais ou comerciais, bancos, companhias de seguros, hotéis e outros, atentando para as pessoas e atividades que lhe pareçam suspeitas, para descobrir os infratores e possibilitar a tomada de medidas cabíveis em cada caso; faz averiguações sobre a vida e conduta de pessoas ou grupo de pessoas, realizando sindicâncias, com base nos dados preliminares fornecidos pelos clientes, para colher informações completas sobre as mesmas, a fim de apurar suspeitas, verificar a possibilidade de contratação para empresas e outros fins; investiga o paradeiro de pessoas desaparecidas, baseando-se em fotografias, retratos falados e outros recursos, para localizá-las e possibilitar o encaminhamento das mesmas à família, entidades ou local de onde se afastaram. Pode vigiar estabelecimentos e empresas e os bens e objetos neles depositados, em caráter permanente, para evitar e/ou descobrir furtos e outras irregularidades, dsde que estiver a paisano com as características de um detetive; Traje social, paletó e gravata. .

    VEJA CBO-2002 MTE.
    Título
    3518-05 – Detetive profissional CBO-2002
    Agente de investigação privada, Detetive particular, Investigador particular

    Descrição Sumária
    Investigam crimes; elaboram perícias de objetos, documentos e locais de crime; planejam investigações; efetuam prisões, cumprindo determinação judicial ou em flagrante delito; identificam pessoas e cadáveres, coletando impressões digitais, palmares e plantares. Atuam na prevenção de crimes; gerenciam crises, socorrendo vítimas, intermediando negociações e resgatando reféns; organizam registros papiloscópicos e custodiam presos. Registram informações em laudos, boletins e relatórios; colhem depoimentos e prestam testemunho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s