Dia #21 Desligue

celularDEPUTADO GAÚCHO ARTICULA FISCALIZAÇÃO NACIONAL AO SISTEMA DE TELEFONIA BRASILEIRO
Nesta sexta feira, dia 18 de janeiro, às 17 horas, estarei promovendo uma campanha no centro de Porto Alegre na Esquina Democrática.
A busca por apoiadores não vai parar!

A Câmara dos deputados vêm associando, cada vez, os debates sobre a fiscalização da telefonia no Brasil ao meu nome, Ronaldo Nogueira (PTB/RS). A imprensa nacional começa a focar em minha proposta de criação de uma CPI que irá investigar as empresas do setor de telecomunicações que atuam no Brasil.

Nesta quarta feira, 16, a Agência Câmara relatou a minha posição em relação a implantação da CPI da telefonia e o descaso da Anatel e Ministério das Comunicações sobre a falta de investimentos no setor e as inúmeras reclamações de consumidores.

Estou colhendo os frutos do meu trabalho que vem sendo feito ao longo dos meses, tenho lutado contra a espoliação de grupos econômicos internacionais que detém o controle do mercado de telecomunicações.

Em 09 de agosto de 2012, com o apoio de 188 parlamentares, protocolei um pedido de implantação de uma CPI para investigar irregularidades cometidas por operadoras de celular.

Em 21 de novembro entreguei uma denúncia ao Ministério Público Federal representando contra o CADE, ANATEL e Companhias Operadoras de telefonia e, simultaneamente, lancei, juntamente com milhares de brasileiros, a campanha DIA #21 DESLIGUE SEU CELULAR EM PROTESTO CONTRA AS ALTAS TARIFAS.
Estou propondo que cada dia 21 de cada mês os consumidores da telefonia móvel desliguem seus aparelhos de celular por uma hora, do meio dia às 13 horas, em protesto contra as tarifas ilegais e abusivas cobradas pela prestação deste serviço que venho chamando de: O PROTESTO QUE VOCÊ APÓIA COM APENAS UM DEDO

Nesta sexta feira, dia 18 de janeiro, às 17 horas, estarei promovendo esta campanha nas ruas, no centro de Porto Alegre na esquina democrática, o seu apoio é importante!

Esta campanha segue até julho, quando será instituído o dia da telefonia, escolhi o dia 16 de julho como o dia que marca esta data, por que foi no dia 16 de julho de 1997 que as telecomunicações brasileiras foram privatizadas.

Este é um movimento singelo e de fácil compreensão. Não está difícil para o governo e as operadoras entender que os usuários de telefonia querem redução de 55%, pelo menos, nas tarifas de interconexão, que são aquelas taxas cobradas em ligações feitas de uma operadora para a outra, essa tarifa é tão alta, por que cada operadora cobra aluguel uma da outra pela utilização da rede ao receber uma chamada da empresa concorrente a conhecida VUM que é paga pelo usuário.
Os brasileiros querem somente o que for justo, como o fim da tarifa básica da telefonia fixa e a abertura das contas dessas empresas multinacionais. As operadoras de celular devem mostrar para a sociedade os valores que arrecadam através da tarifa de interconexão e quais foram os valores investidos em infraestrutura.

dia 21 de janeiro

Anúncios

CURTA, COMPARTILHE, TELEFONE OU MANDE UM E-MAIL

fim da taxa básica

 

Eu #apoio a CPI para redução das altas tarifas de celular

A CPI da telefonia está virando um movimento popular, cada vez mais pessoas estão apoiando esta causa. Os brasileiros não aguentam mais ser altamente tarifados por um serviço tão importante, considerado essencial até mesmo pela ONU.

No facebook populares criaram uma pagina: Eu apoio a CPI para redução das altas tarifas de celular que em menos de 1 semana reuniu quase 1,5 mil seguidores.

O autor da iniciativa é o carioca João Carlos Caribe, ativista pela liberdade na rede, representante do Movimento Mega Não, que tem atuado fortemente contra o PL 84/99, a favor do Marco Civil. Caribe relatou que “tivemos uma participação importante na mobilização social para que a CPI do ECAD não terminasse em pizza”. Caribe é mais um cidadão interessado na instalação desta CPI tendo em vista seus direitos de comunicação.
Atualmente temos a grande maioria do Congresso Nacional a nosso favor, apoiando a CPI das telefônicas, incluindo o presidente Marco Maia, que ja declarou publicamente sua posição favorável a implantação desta CPI.

Existem 5 CPIs em atuação, o que representa o numero máximo definido pelas normas da casa. Outras 5 CPIs estão à espera de implantação.
Como a CPI da telefonia é um tema latente e portanto URGENTE, estamos lutando para que seja a próxima CPI a ser implantada. Para isso precisamos do maior apoio popular possível. Precisamos que cada cidadão interessado em baixar as tarifas de seu celular COMPARTILHE, CURTA, POSTE, COMENTE, INTERAJA com a nossa causa.  Poste suas contas abusivas, relate suas reclamações, assim estará ajudando na mudança histórica no sistema de telecomunicação do Brasil.